Saturday, January 05, 2008

A Vida Não Tá no Gibi

Imagem retirada do site: www.memorychips.com.br/Lembra27.htm
vale a pena conferir...



Que confusa é a vida...
Se tudo fosse lápis e borracha, um simples rascunho...
Mas nada é assim!




A vida não cabe no abraço protetor de meu filho.
A vida não cabe num livro inédito.
A vida não é um poema de Arnaldo Antunes.
A vida não é o que é o que é, meu irmão.
A vida é um pedaço de pão.
A vida não paga o preço das minhas dúvidas nem a minha fome de liberdade.
A vida não se pode virar e desvirar pelo avesso.
A vida viaja em paz de ônibus.
A vida pode ser sonhada, recriada e inventada.
A vida rasga num poema de Torga.
A vida bóia na poesia de Bandeira.
A vida não quer ser levada a sério.
A vida não aparece nas manchetes de jornais.
A vida é clandestina, e sorri, menina.
A vida tá na asa do colibri e no canto do bem-te-vi.
A vida cospe na cara.
A vida é obscena.
A vida é cruel.
A vida é fel e mel.
A vida é ciranda e carrocel.
A vida é sushi e sarapatel.
A vida é prazer e carga.
A vida é ré confessa.
A vida não tem CPF, nem RG.
A vida não tem endereço certo.
A vida não tem nada em seu nome.
A vida não declara imposto de renda.
A vida não tá nem aí pra CPMF!
A vida é redonda e quadrada.
A vida é uma canção de amigo.
A vida é um poço e um abrigo.
A vida se veste na noite de estrelas douradas.
A vida se despe de dia, qual prostituta encantada.
A morte, esta não tem jeito.
A mentira, tem lá seus acertos.
Mas a vida...
A vida não tá no gibi!


Alyne Costa
Salvador, janeiro de 2008

1 comment: